Agências preferem TV e internet

Um dos principais temas discutidos durante o Seminário Internacional INMA de Marketing de Jornais foi a forma de aumentar a audiência e atrair mais anunciantes.
Na abertura do evento, o diretor de publicidade da Folha de S. Paulo Marcelo Benez afirmou que o jornal ainda consegue ser a segunda mídia em investimentos publicitários, com 17,3% do bolo avaliado em R$ 19 milhões. A TV lidera o ranking com 58,3% e em terceiro lugar aparecem as revistas com 7,9%, seguidas do rádio (4,3%) e de outras mídias (12,2%)

Nos últimos dez anos, houve uma diminuição do número de publicidade nos jornais. Apesar disso, no primeiro semestre as publicações impressas cresceram 19,8% e o mercado de publicidade de 16,3%. De acordo com Benez, mesmo assim o jornal ainda está perdendo espaço nos investimentos de mídia das grandes agências de publicidade, que preferem a TV e a internet.

Um outro problema do jornal é a audiência, que tem diminuído com o passar dos anos. De acordo com o presidente do Hansted % Co., Paulo Hansted, anteriormente, o leitor gastava 40 minutos do seu dia lendo jornal. Atualmente ele só gasta 20 minutos e essa informação é verticalizada e mastigada ao longo do dia.

Para estimular o aumento da audiência e atrair anúncios, Benez explicou que o jornal criou novos suplementos como a versão online do Guia da Folha e formatos de publicidade, como os envelopes especiais e anúncios em formato de origami.

Redação Adnews

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *