Aproximando universos

Ousadia? Sim. Sempre. No pensamento, no espaço e no tempo. No ser e no fazer. Contando histórias, revendo memórias, pesquisando meadas, que escondidas ocultavam jóias hoje brilhantes no firmamento da comunicação. Para isso, além de sua rotina diária o Instituto Caros Ouvintes vem desenvolvendo o projeto Academídia – um espaço disponibilizado a profissionais, pesquisadores, professores e estudantes dos cursos de Comunicação Social das principais Universidades do estado de Santa Catarina. Como, por exemplo, o estudante de jornalismo Nícolas David, cujo gosto pela profissão e a escrita começou cedo. Aos 13 anos, rabiscou as primeiras ideias, sentado no sofá de casa, brincou de fazer poesia. Nunca foi bom poeta, mas, depois disso, não parou de exercitar a escrita e a leitura. Costuma viajar em crônicas e se mete a analisar o mundo em artigos de opinião. O pretexto para tudo isso é ver integrados os distintos e distantes universos do acadêmico e do profissional da redação. Nícolas estréia amanhã integrando a equipe do Caros Ouvintes com a crônica Não quero ser repórter!

Categorias: , , Tags: , , ,

Por Antunes Severo

Radialista, jornalista, publicitário, professor e pesquisador é Mestre em Administração pela UDESC – Universidade do Estado de SC: para as áreas de marketing e comunicação mercadológica. Desde 1995 se dedica à pesquisa dos meios de comunicação em Santa Catarina. Criador, editor e primeiro presidente é conselheiro nato do Instituto Caros Ouvintes de Estudo e Pesquisa de Mídia.
Veja todas as publicações de .

Comente no Facebook

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *