Por J Pimentel

Não me lembro de tudo, mas sei que vivi todas essas coisas

Tinha seis anos, lá pelo começo dos anos 1950, quando meu pai comprou nosso primeiro receptor, um rabo quente, de baquelite.