BBC demite e suspende estrelas por causa de pegadinha…

Nem a BBC escapa. A onda de babaquice que varre o planeta atingiu a maior referência mundial de rádio e televisão.
Em uma edição pré-gravada apresentada num programa de rádio, o apresentador Jonathan Ross e o ator e comediante Russel Brand telefonaram para o ator Andrew Sachs e, como ele não atendeu, deixaram mensagens obscenas consideradas ofensivas na sua secretária eletrônica. Ambos disseram palavrões e Russel afirmou que dormiu com a neta de Sachs.

Baixaria de primeira (elementar meu caro Watson).

A BBC, que recebeu mais de 30 mil reclamações de ouvintes até sexta-feira (31/10), considerou que o “grave lapso de tom dos dois apresentadores e das equipes de produção causou revolta” na audiência. Seu diretor-geral pediu desculpas pelo incidente e prometeu uma investigação interna. Enquanto isso, Russell Brand foi despedido e Jonathan Ross foi suspenso por três meses. A diretora da BBC Radio 2, Lesley Douglas, demitiu-se.

BBC (British Broadcasting Corporation) é uma entidade pública de rádio e televisão fundada em 1922. Suas operações são financiadas pela população do Reino Unido (Inglaterra, Irlanda do Norte, Escócia e País de Gales).

O Governo britânico ameaçou cortar os 3,4 bilhões de libras (4,318 bilhões de euros) que destina anualmente à “BBC” caso a emissora não suspenda os salários astronômicos pagos a seus apresentadores de maior sucesso, informa o dominical “The Sunday Times”.

A advertência é conseqüência do recente escândalo protagonizado por essas duas estrelas, das mais bem pagas da Rede de rádio e TV, que passaram o trote de mau gosto e teor sexual no veterano ator Andrew Sachs.

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *