Capacitando a radiodifusão catarinense

O SEBRAE/SC e a ACAERT- Associação Catarinense de Emissoras de Rádio e Televisão – assinaram no dia 17 de setembro acordo inédito no país, que prevê a capacitação dos profissionais que trabalham nas emissoras de rádio e tv do estado.

Por Marco Aurélio Gomes

O SEBRAE/SC e a ACAERT- Associação Catarinense de Emissoras de Rádio e Televisão – assinaram no dia 17 de setembro acordo inédito no país, que prevê a capacitação dos profissionais que trabalham nas emissoras de rádio e tv do estado. A assinatura foi realizada durante Seminário do SERT – Sindicato das Empresas de Rádio e Televisão, realizado no Intercity Hotel, em Florianópolis. Pelo acordo, o SEBRAE capacitará tanto os funcionários de todas as áreas das emissoras (jornalismo, técnica, comercial) como até mesmo os que ocupam cargo de diretor. “A idéia foi oferecer ao associado da ACAERT um programa completo de capacitação a um custo subsidiado pela entidade e pelo SEBRAE”, explicou o radiodifusor Ranieri Moacir Bertoli, presidente da Associação que reúne 183 emissoras (13 de tv e 180 de rádio).

O programa prevê várias etapas desde cursos de liderança, atendimento ao cliente, administração de custos, formação do preço de venda até oratória. Além dos cursos, o SEBRAE oferecerá consultoria pós-treinamento, palestras e planejamento estratégico. “Como não existia nenhum referencial no mercado, tivemos que encontrar um formato especialmente voltado para a área da radiodifusão”, afirmou Spyros Diamantaras, consultor responsável pelo Programa no SEBRAE/SC. “O modelo servirá de referência para outros estados”, completou. Pelo menos, 60 emissoras de rádio já manifestaram interesse em participar do programa.

Profissionalização – Segundo Ranieri Moacir Bertoli, a radiodifusão do estado se encontra em uma fase de amadurecimento, buscando a profissionalização do negócio para competir no mercado de comunicação. “Mesmo que a grande maioria das emissoras de rádio seja formada por pequenas empresas, a preocupação com a qualidade é constante. No mercado, não há mais espaço para o improviso”, defendeu. Prova disso foi o próprio Seminário do SERT que debateu, entre outros assuntos, questões de fiscalização, sindicalismo e o futuro do rádio no país.

Além da profissionalização, os radiodifusores também querem se posicionar, através da ACAERT e SERT, institucionalmente. No mesmo evento, as duas entidades assinaram uma campanha lançada pelo SAPESC – Sindicato das Empresas de Rádio e Televisão- pelo VOTO CONSCIENTE que, este ano, contou ainda com o apoio da ADI/SC (Associação dos Diários do Interior), ADJORI/SC (Associação dos Jornais do Interior) e da OAB/SC. A campanha, que alerta para a importância da escolha certa nas eleições municipais, veiculará até o dia da eleição. É a segunda vez que as entidades do mercado lançam campanha de conscientização no período eleitoral.

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *