Caros Ouvintes: a memória da comunicação Catarina

“Severo, eu estou com uma coceira danada pra te convidar – vamos escrever um livrinho sobre a história do rádio em Florianópolis”? A provocação é do Ricardo Medeiros e veio por e-mail postado num computador da Université du Maine, da cidade de Le Mans, França.

Foi no dia primeiro de agosto de 2003, uma sexta-feira. No sábado respondi que topava e que o convite era o melhor presente de aniversário, pois nasci num dia dois de agosto. Assim começa a história de um projeto que virou este espaço na Web, já publicou um e está concluindo mais três livros e também deu origem à criação do Instituto Caos Ouvintes de Estudo e Pesquisa de Mídia.

Melhor do que falar no site é navegar no site e apreciar os resultados dos 10 anos de pesquisa que Ricardo, eu e quase uma centena de voluntários têm feito e disponibilizado nas 260 semanas que nos separam do dia 22 de setembro de 2003 quando o site entrou no ar.

Nesta Semana da Radiodifusão que vai de 21 a 27/9/2008 falaremos um pouco do nosso presente e do que temos previsto para o futuro próximo, a começar pelo Instituto Caros Ouvintes. Seguiremos anunciando as novas etapas de atualização pelas quais está passando o site; falaremos do lançamento dos três livros a partir do primeiro trimestre de 2009 e nos ocuparemos de promover outros eventos que Santa Catarina merece por ter, há 80 anos entrado na Era do Rádio, uma das mais notáveis e generosas descobertas dos tempos que antecederam o século XXI.

Hoje, neste primeiro boletim da Semana da Radiodifusão, além das matérias habituais, você encontra as que se referem à data de 21 de setembro: Dia do Radialista, Dia da Árvore e Rádio nas Escolas – um tema que precede a pauta que dominará os conteúdos previstos para o ano de 2009. Também reverenciamos nesta data o Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência, instituído em 1982; e Dia internacional da Paz – Criado por Resolução do plenário da ONU.

Neste boletim você encontra dois arquivos de áudio muito especiais. Um é a reprodução de mensagem lida por Hélio Ribeiro, um dos mais importantes radialistas de toda a história do rádio e uma entrevista do jornalista Carlos Damião realizada ontem, sábado (20/9) ao microfone da Rádio Guarujá que fala justamente do tema central de nossa pauta para estes próximos 15 meses: o rádio nas escolas.

Quando no início nos perguntaram o que nos levara a lançar o projeto Caros Ouvintes, Ricardo e eu respondemos com a convição que mantemos até hoje: “esta é a maneira que nós encontramos de prestar o nosso ageradecimento a todos os que nos abriram as portas, nos deram as oportunidades e têm respeitado o nosso trabalho”.

Categorias: , Tags: , , , ,

Por Antunes Severo

Radialista, jornalista, publicitário, professor e pesquisador é Mestre em Administração pela UDESC – Universidade do Estado de SC: para as áreas de marketing e comunicação mercadológica. Desde 1995 se dedica à pesquisa dos meios de comunicação em Santa Catarina. Criador, editor e primeiro presidente é conselheiro nato do Instituto Caros Ouvintes de Estudo e Pesquisa de Mídia.
Veja todas as publicações de .

Comente no Facebook

1 responder
  1. Antunes Severo says:

    O Alexandre Cerri – nosso mestre de navegação internética e gestor de web – lembra que a idéia inicial era a de um site do livro, e que “o projeto tomou os moldes atuais na internet, quando você conversou com o Emílio (deve ter esta matéria no portal, lembro que saiu incusive no DC)) e foi da teoria à pratica, quando eu coloquei a mão na massa”. A matéria (Nas ondas das rádios da Capital publlicada na edição de 27/9/03 do DC está publicada no nosso boletim do dia 20/6/04. Basta clicar em VERSÃO ANTERIOR na capa do site atual e depois ir em (localizar). Valeu Alex. Beijo no Lorenzo que ante-ontem completou seus primeiros quatro meses.

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *