Há pessoas que dizem que não têm fé, outros que a perderam. Mas de um jeito ou de outro, admitindo ou não, praticamente todos temos nossa medida de – fé. O velho companheiro – Dicionário Prático de Língua Portuguesa – diz que fé é: “Crenças, crenças nas doutrinas de alguma religião. Fidelidade a compromissos e […]

O RÁDIO NA MINHA VIDA – CRÔNICA 02

Na crônica anterior, caro ouvinte ou leitor desta crônica, falei em “sonoplastas”. Caso você não saiba, explico: sonoplasta era o profissional encarregado de criar, nos programas de rádio, os ruídos, ou seja, os sons que tinham a ver com a história irradiada, afora as vozes dos radioatores e os fundos musicais.     Já mencionei […]

Nossos melhores advogados

Há um dito popular pra lá de interessante: “De médico e louco todo mundo tem um pouco”.E quem duvida é louco, mesmo que seja médico. Uma coisa é certa; quando se trata da nossa defesa ou de quem gostamos, em assuntos do cotidiano, falhas, erros e faltas, defendemos e argumentamos como “verdadeiros advogados”. O oposto […]

Justo no mínimo?

Há uma frase elaborada e pronunciada por um homem muito sábio: “Quem é fiel no mínimo é também fiel no muito, e quem é injusto no mínimo é também injusto no muito”. Jesus Cristo – Lucas 16:10 Seja no famoso jeitinho brasileiro na Lei de Gérson, ou ainda na Lei de Murphy, muitos se perdem […]

Rádio Phillips antigo

O rádio na minha vida – Crônica 1

Era um rádio Philips, já antigo quando me entendi por gente. Caixa de madeira escura, mostrador colorido, botões grandes acinzentados. Esse maravilhoso aparelho, que povoa minhas lembranças mais remotas, era grande; tinha lá seu meio metro de largura por uns trinta centímetros de altura – descontadas as imprecisões da memória, que quase sempre aumenta ou […]

Ditados questionáveis

Há ditados que “caem como uma luva”; servem para alertar que “seguro morreu de velho”. Ou ainda, nos faz ver que “o chapéu serviu”. Já outros nos deixam com “uma pulga atrás da orelha” quando ouvimos o famoso “faça o que digo, mas não faça o que eu faço”. Tem aqueles que nos abrem os […]

Antunes Severo

Procrastinar

No dia de seu aniversário de 85 anos, nosso cronista Antunes Severo reflete sobre “uma série de verbos nada enaltecedores: transferir para outro dia ou deixar para depois; adiar, delongar, postergar, protrair”.

Imprensa Catarinense: 186 anos de história

O Brasil não é para principiantes, como disse o maestro Tom Jobim. Pelo contrário: entender o que ocorre no país, com suas dimensões continentais, seu povo multi-étnico, suas especificidades econômicas e políticas, seus dramas e suas crises, exige atenção, dedicação, conhecimento, poder de análise e inteligência. E a imprensa é guia essencial do indivíduo nessa […]

O amor e seus idiomas

Quando namoramos passamos horas conversando, ouvindo ele ou ela; seus planos e objetivos. Costumamos o incentivar com palavras animadoras: “Faça isso mesmo, vá em frente, tu tens potencial, não desista, estou do seu lado”. Sem contar que beijos e abraços ocorrem em abundância; também as danças de rostos colados; não há dia cansativo capaz de […]

No berço da intolerância

O berço traz a ideia de algo esperado, alguém desejado, de todo um futuro a ser percorrido com a garantia humana de liberdade. Jean-Jacques Rousseau (1712-1778) disse que “o homem nasce livre e por toda parte é acorrentado”. “Correntes” intelectuais, sociais e pedagógicas servem inevitavelmente a governos que desejam perpetuar seu poder e suas incalculáveis […]