Pioneiros do Fotojornalismo: Tarcísio Mattos

O jovem que entrou no “caldeirão” do bairro Saco Grande como Paulo Tarcísio da Silva Mattos, aos 18 anos de idade, saiu algum tempo mais tarde como Tarcísio Mattos, herdeiro direito da primeira geração de repórteres fotográficos de Florianópolis.

Pioneiros do Fotojornalismo: James Tavares

James Tavares se tornou uma lenda no fotojornalismo em Florianópolis. Tanto por sua produção quanto pelas piadas e pegadinhas que sempre apresenta. “Jacaré” o seu apelido, fruto da irreverência e bom-humor de um outro repórter fotográfico, Rivaldo Souza.

Pioneiros do Fotojornalismo: Amilton Vieira

Foi a mãe Tomázia quem primeiro notou o jeito do adolescente para a fotografia. Ele havia tentado uma colocação como ajudante de mecânica de veículos, mas não dera certo.

Olivio Lamas

Pioneiros do Fotojornalismo: Olívio Lamas

Fotógrafo e repórter-fotográfico que começou como boy na redação do jornal Zero Hora, em Porto Alegre, no final da década de 1960, Olívio Lamas se tornou uma lenda, colocando a sensibilidade a serviço da informação jornalística.

iran manfredo nunes

Rádio Catarinense perde mais um dos seus pioneiros

Iran Manfredo Nunes morreu nesta terça-feira (24/08) às 20h20 vitimado por uma parada cardio respiratória, aos 82 anos.

Diretores de escolas recebem CD com Hino de Florianópolis

Os diretores da rede municipal de ensino de Florianópolis receberam no dia 23 de junho o CD com a gravação do Rancho de Amor Ilha, hino oficial da cidade. A composição de Cláudio Alvim Barbosa, o Zininho, foi atualizado com a participação de dez vozes e 30 músicos instrumentistas.

Padre Jose Edgard de Oliveira

Padre José Edgard de Oliveira morre aos 87 anos em Florianópolis

O Padre José Edgard de Oliveira morreu dia 31 de maio no Hospital SOS Cárdio, em Florianópolis, após uma parada cardíaca. Ele era reconhecido na comunidade por diversos trabalhos, sempre muito ligado ao grupo de escoteiros. Com 87 anos, havia trabalhado em diversas paróquias da Arquidiocese de Florianópolis, coordenado a Pastoral da Juventude e também foi professor de religião, no Colégio Coração de Jesus, na Capital.

Despedida de Nilson Mello

A cidade de Florianópolis se despediu, dia 11 de maio, de Nilson Mello. Escritor de livros infantis, autor de peças teatrais e por vocação comunicador. (Por Cacau Menezes, DC, 13/05/2016)

Avez-vous, um dos maiores sambistas de Florianópolis

“Não gosto de fazer homenagens póstumas. O homenageado, quem deveria ver, não viu. Mas não posso deixar de falar do manezinho Abelardo Henrique Blummenberg, o Avez-vous (lê-se “avevú”), um dos maiores sambistas que Florianópolis já teve.” Relata o novo colaborador do Caros Artur de Bem.

Chuvas de Prata: entre jornalismo e literatura

A sexta-feira, 30 de abril, entra para história do colunismo social brasileiro, quando sobre o céu da Ilha da Magia, o sol titubeia entre a sombra da nuvem que te cobre enquanto tu dormes o renovador sono da eternidade. Agora tu sabes. Os seres não morrem. (Moacir nasceu em 10/05/1948) Só desaparecem quando são esquecidos. […]