Morre em Porto Alegre o ‘Repórter Esso’ Lauro Hagemann

Lauro Hagemann nasceu em Santa Cruz do Sul, em 23 de julho de 1930. Entrou no rádio, como ele mesmo dizia, por acaso: quando ainda era estudante, tinha alguns amigos que trabalhavam no serviço de alto-falante da cidade. Certo dia choveu, um dos locutores faltou, e Hagemann foi chamado para assumir o microfone. Era o início da carreira de radialista.

Lincoln Olivetti, o especialista em fazer ‘plástica’ para rádios

Lincoln Olivetti nasceu em Nilópolis, Rio de Janeiro, em 17 de abril de 1954. Como músico, fez parceria de destaque com o guitarrista Robson Jorge. Lincoln era instrumentista, arranjador, compositor e produtor musical. Faleceu em 13 de janeiro deste ano devido a problemas cardíacos.

Cinco irmãos radialistas

Os casos de se encontrar vários profissionais de uma mesma especialidade em uma família são relativamente comuns. Aqui em Florianópolis, por exemplo, tivemos o caso da família Marques Nunes: todos os seis irmãos trabalharam profissionalmente em rádio.

Um rádio poético e animador

O rádio às vezes nos prega grande peça e nos deixa boquiabertos, e sem noção do que fazer. Guardo sempre comigo um rádio muito bom, presente do meu pai já falecido, um Trans Globe Philco de nove faixas. Certo dia recebi a visita em minha residência de um amigo, grande colecionador de raridades antigas, inclusive […]

Celso Costa: 10 Copas do Mundo e 68 anos de rádio

Celso Costa é um dos maiores nomes da técnica em emissoras de rádio no Brasil. Como operador e chefe de externas, fez 10 Copas do Mundo e muitas Olimpíadas, tendo completado agora em 2014, ano de sua aposentadoria na Rádio Guaíba, 68 anos de pleno e exitoso profissionalismo. A entrevista realizada por Daltro D’Arisbo, com […]

Relembre a radionovela faroeste brasileira: Jerônimo, o Herói do Sertão

No ar por 14 anos, a radionovela “Jerônimo, o herói do sertão” foi criada por Moysés Weltman para a Rádio Nacional do Rio de Janeiro e teve muita influencia do faroeste americano. Veiculado diariamente às 18h35, o sucesso da atração foi tão significativo que a série ganhou versões em disco de vinil, história em quadrinhos […]

60 anos do suicídio de Vargas: como reagiram os radioatores?

Gerdal dos Santos e Osmar Frazão – atualmente apresentadores da Rádio Nacional – contam que os atores e cantores da emissora ficaram arrasados com a morte do presidente Getúlio Vargas. “A apreensão dos artistas foi muito grande”, conta Gerdal. “Quando Getúlio morreu, todos daqui choraram, pois foi ele quem impulsionou a Rádio Nacional”, afirma Osmar […]

Nas edições extraordinárias do Repórter Esso, Carmem Miranda e a Segunda Guerra

Os acordes da abertura do Repórter Esso paravam o Brasil. Até hoje, as edições extraordinárias de equipes de jornalismo, no rádio e na televisão, fazem com que o público interrompa as atividades no escritório, no transporte ou em casa para ouvir algo ‘bombástico’ que tenha acontecido no país ou no exterior. A trilha sonora da […]

Dos pré aos primeiros publicitários no Brasil

Neste segundo artigo de uma série sobre a história da Propaganda, Antunes Severo conta quando surgiu a primeira agência brasileira e como foram os anos pioneiros, época que na mídia impressa firmaram-se os princípios da comunicação mercadológica.

No ‘Balança Mas Não Cai’, o talento de Brandão Filho e Paulo Gracindo

No início dos anos 1950, Paulo Gracindo e Brandão Filho consolidaram, na Rádio Nacional, um dos quadros mais famosos do programa humorístico ‘Balança, mas não cai’. O primo pobre, vivido por Brandão Filho, e o primo rico, interpretado por Paulo Gracindo, mexiam com o imaginário do público, que se identificava com situações da vida real. […]