Comendador Ennio Selva Gentil: Salute!

A Confraria Almoço das Estrelas voltou a brilhar ao promover mais um encontro etílico-gastronômico-cultural nesta sexta-feira, 28/5 em homenagem ao desportista Ennio Selva Gentil pela sua contribuição para o desenvolvimento dos esportes amadores – em particular o futsal – na Capital catarinense. Ennio Selva Gentil que também atuou no rádio como um dos diretores da Rádio Diário da Manhã, foi recepcionado por uma centena de amigos entre jornalistas, advogados, empresários, médicos, pescadores, músicos, artistas, aposentados, esportistas, sambistas dentre outras figuras representativas da política e do clero locais. Sob as ordens serenas do Comendador-Mor (Máximo e Soberano) Beto Laus e por decisão da egrégia corte representada pelo também comendador Édio Nunes, coube ao colega Antunes Severo ler a mensagem de saudação ao homenageado. Severo, servindo-se da oportunidade gravou entrevista relâmpago que vai aqui reproduzida. A ilustração é do publicitário Mauro Pereira, o MauZé ([email protected]).

Ennio Selva Gentil é ilhéu, nascido no ano de 1928 e às vésperas de completar, agora no próximo dia dois de julho, os seus vem vividos oitenta e dois anos. Com Zenir Cidade Gentil (falecida em 2005) viveu uma união de cinquenta e três anos, que lhe deu o fruto de quatro filhos (Roberto, Sandra Mara, Margarete e Maria Cristina) e a geração de quatro netos.

Graduou-se no curso Técnico de Contabilidade na Academia de Comércio de Santa Catarina (Academia do Jacaré) e assumiu, com grande competência, a profissão escolhida.

Trabalhou na agência Ford, foi contador do extinto bando INCO (uma instituição financeira catarinense que muito nos honrou) e tesoureiro da Rádio Diário da Manhã. Também por muitos anos, respondeu pela direção financeira do tradicional Clube Doze de Agosto.

Amante do esporte da “bola pesada”, nova paixão que atraia os desportistas florianopolitanos na década de 1950 do século passado, era assistente assíduo das partidas disputadas na quadra da Federação Atlética Catarinense (FAC).

A partir de um convite de seu amigo Rozendo Vasconcellos Lima, passou a integrar os quadros da recém crida Federação Catarinense de Futebol de Salão, inicialmente na qualidade de anotador cronometrista. A sua dedicação e entrega às causas salonistas, levaram-no a exercer novos e mais complexos cargos federativos: entre outros foi diretor financeiro, vice-presidente financeiro, superintendente e presidente.

Atualmente, todo o processamento burocrático da Federação observa um ritmo moderno, em decorrência de um processo tecnológico implantado. Durante anos, contudo, os registros. Transferências e estágios eram elaborados manualmente e o Ennio era reconhecido como o “computador humano” da entidade. Hoje, 51 e um anos após, ele é visto como a própria “lenda vida” do futsal catarinense.

Assim, nada mais devido que reconhecer o trabalho, dedicação, eficiência e competência desse grande desportista, prestando-lhe a homenagem de uma confraria que procura zelar pelo prestigiamento dos nomes que fazem a história de nossa terra.

Categorias: , Tags:

Por Antunes Severo

Radialista, jornalista, publicitário, professor e pesquisador é Mestre em Administração pela UDESC – Universidade do Estado de SC: para as áreas de marketing e comunicação mercadológica. Desde 1995 se dedica à pesquisa dos meios de comunicação em Santa Catarina. Criador, editor e primeiro presidente é conselheiro nato do Instituto Caros Ouvintes de Estudo e Pesquisa de Mídia.
Veja todas as publicações de .

Comente no Facebook

1 responder
  1. Walter Souza says:

    Deixei de ser GENTIL, ao não comparecer a festa. Não fui convidado e ao saber, tomei sal de fruta ENIO. Sei que hoje vivemos numa verdadeira SELVA, principalmente o homenageado no famoso paredão da Hercílio Luz. Fui colega do Selva, no banco INCO e na RDM. Grande amigo, grande parceiro, grande conselheiro. Meu tesoureito, temos outra coisa em comum, o dia 2 de julho, seu aniversário e da minha saudosa mãe, Dona Nadir. Tive a satisfação de ter como colega na RDM o Robertinho, o Roberto primeiro. Parabéns amigão e muita vida.

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *