Dia Mundial do Rádio 2018 tem como tema Rádio e esporte

O tema da edição de 2018 do Dia Mundial do Rádio é “Rádio e esporte”, para promover a relação inseparável entre esportes e gênero, e como a melhoria da igualdade de gênero na radiodifusão dos esportes pode produzir mais liberdade de expressão para todos.

Clique na imagem e veja 10 maneiras de celebrar o Dia Mundial do Rádio

A UNESCO convida todas as estações de rádio e todas as organizações de apoio para se juntar a ela nas celebrações do Dia Mundial do Rádio 2018, uma oportunidade para fortalecer a diversidade, a paz e o desenvolvimento por meio da radiodifusão dos esportes.

Como esperamos por um ano repleto de eventos esportivos importantes, que têm a capacidade de unir os corações e as mentes das pessoas em todos os lugares, pedimos a todas as estações de rádio do mundo que mostrem a beleza dos esportes em toda a sua diversidade. Vamos celebrar, de maneira igualitária, tanto os eventos esportivos masculinos como os femininos.

Vamos celebrar os esportes tradicionais que nos ligam ao nosso patrimônio cultural, os esportes de base que nos ancoram dentro de nossas comunidades e as histórias inspiradoras que desafiam os estereótipos e as ocultações sobre as questões de gênero.

Confira abaixo como fazer parte do do Dia Mundial do Rádio ou faça download aqui

Mensagem de Audrey Azoulay, diretora-geral da UNESCO, por ocasião do Dia Mundial do Rádio, 13 de fevereiro de 2018

Em 2018, a UNESCO está dedicando o Dia Mundial do Rádio ao tema “rádio e esportes”.

O rádio é um poderoso meio para transmitir o entusiasmo dos eventos esportivos. É também um meio de transmitir os valores do jogo limpo, do trabalho em equipe e da equidade no esporte.

O rádio pode ajudar a combater o racismo e os estereótipos xenófobos que são, infelizmente, expressos dentro e fora do campo. Ele permite a transmissão de uma enorme variedade de esportes tradicionais, muito além das equipes de elite. Permite ainda a oportunidade de estimular a diversidade como uma força de diálogo e tolerância.

A luta pela igualdade de gênero é central nesse esforço. De acordo com o relatório do Projeto Global de Monitoramento de Mídia, apoiado pela UNESCO, apenas 4% do conteúdo esportivo na mídia são dedicados aos esportes com participação feminina. Apenas 12% das notícias esportivas são apresentadas por mulheres. A UNESCO está trabalhando para promover a cobertura dos esportes com participação das mulheres, a combater a discriminação de gênero nas ondas de rádio e a promover oportunidades iguais na mídia esportiva. A tarefa é imensa.

No Dia Mundial do Rádio, que possamos nos mobilizar para fazer do rádio uma mídia cada vez mais independente e plural. Que nos unamos para celebrar o potencial do rádio esportivo na promoção do desenvolvimento e da paz.

Visite o site oficial do Dia Mundial do Rádio, que está cheio de ideias, atividades e soluções práticas para celebrar esse Dia Mundial.

Fonte: Unesco

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *