Empresas brasileiras aderem à parceria do Pnud para redução da pobreza

Itaú Unibanco e Sorridents participam do compromisso “Negócios Chamam à Ação”; com outras companhias da Zâmbia, Japão e Dinamarca, meta é melhorar a vida de 34 milhões de pessoas

MÍDIA | Denise Costa, da Rádio ONU em Nova York *

Compromisso busca acelerar desenvolvimento

Duas empresas do Brasil acabam de aderir à iniciativa “Negócios Chamam à Ação”, que tem o apoio do Programa da ONU para o Desenvolvimento, Pnud. O Itaú Unibanco e a Sorridents assinaram, ao lado de diversas companhias do Japão, Filipinas, Quênia e Dinamarca, um compromisso para reduzir a pobreza de 34 milhões de pessoas. A iniciativa busca promover o desenvolvimento social e sustentável por meio da geração de novos lucros. Segundo o Pnud, “com parcerias inovadoras e investimentos direcionados”, o setor privado pode contribuir com as necessidades das comunidades carentes. Os planos das empresas incluem o fornecimento, a preços acessíveis, de energia renovável e capacitação de micro empresários com acesso ao crédito e ao treinamento. A ideia é fornecer meios de subsistência estáveis e aumento de rendimentos. Mais de 150 líderes de empresas, governos e sociedade civil se reuniram nesta terça, em Nova York para discutir o papel que as empresas podem desempenhar para acelerar o alcance das Metas de Desenvolvimento do Milênio. *Apresentação: Leda Letra.

Categorias: , Tags: , , ,

Por Antunes Severo

Radialista, jornalista, publicitário, professor e pesquisador é Mestre em Administração pela UDESC – Universidade do Estado de SC: para as áreas de marketing e comunicação mercadológica. Desde 1995 se dedica à pesquisa dos meios de comunicação em Santa Catarina. Criador, editor e primeiro presidente é conselheiro nato do Instituto Caros Ouvintes de Estudo e Pesquisa de Mídia.
Veja todas as publicações de .

Comente no Facebook

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *