Entrevista: Mell Ferraz (Editora do blog ‘Literature-se’)

O site Caros Ouvintes tem o prazer de trazer para nossos leitores a entrevista que fizemos com Mell Ferraz, editora/colunista do blog ‘Literature-se’, espaço dedicado ao universo literário, que realiza matérias especiais, resenhas, críticas e indicações para os amantes da cultura, além disso, podemos acompanhar Mell no youtube, realizando análises aprofundadas de obras literárias.

mellferrazO blog que conta também com os colaboradores Isabelle Campos, Isis Barreto, Valéria Valerio, Michelle Borges, Isadora Ribeiro e Marllon Valença certamente faz um ótimo trabalho, merecendo atenção daqueles que são apaixonados por literatura. Enfim, vamos à troca de ideias com a Mell, que nos contou sobre as alegrias e dificuldades ao longo de sua caminhada com o blog, seus gostos, influências, obras literárias prediletas e outros assuntos!

1. Mell, primeiramente queria saber em que momento de sua vida o gosto pelo universo literário foi despertado? Sofreu influência e apoio de alguém em especial?

Mell: Eu estudei por 14 anos numa escola que incentiva muito a leitura. Então, frequento bibliotecas desde criança, e creio que este seja o fato que me fez amar estar num ambiente como esse. Porém, devo a uma amiga minha o início do que hoje posso chamar de vício. Ela também era leitora e me influenciou bastante. Lembro que começamos a ler praticamente na mesma época a primeira série de livros mais longos da minha vida: O pequeno príncipe, ainda uma coletânea de livros infantis, mas com pouquíssimas ilustrações e mais extensos do que os livros coloridos para crianças. Meus pais nunca foram leitores e nunca gostaram de ler, para ser sincera, então a influência veio da escola e de amigos.

2. Como e quando surgiu a ideia de criar o blog Literature-se?

Mell: Eu tinha me mudado de cidade. Nunca havia morado fora antes, e além disso deixei para trás amigos, namorado e família. Sem contar que não conhecia ninguém na nova cidade. Assim, senti-me muito sozinha e busquei companhia na internet. Como na época poucos blogs literários faziam vídeos, resolvi me arriscar, isso na metade de 2010. Mas estou me precipitando, pois a grande curiosidade é que, no começo, o blog era sobre moda. Isso porque eu sempre tive blogs, mas sempre muito pessoais, mas no começo de 2010 eu dividia um blog sobre esmaltes com uma amiga. Decidi criar o meu próprio e, um mês depois, abandonei o tema moda e fui parar totalmente no âmbito da literatura.

3. Quais as maiores alegrias e dificuldades encontradas na sua caminhada com o seu blog?

Mell: As maiores alegrias com certeza advém da resposta que tenho de leitores apaixonados como eu. Afinal, eu criei o blog/canal para isso: me comunicar com outras pessoas. E poder conversar sobre algo que amo e receber um carinho e uma confiança a partir disso é incrível! Amo ter feito amizades com blogueiros/leitores e acho sensacional quando alguém vem me dizer que leu algum livro por indicação minha. É uma sensação de dever cumprido, sabe?

Já as dificuldades são poucas, creio. Pelo menos as que realmente ficam na memória. Criar um blog não é fato pelo simples fato de ter que elaborar um conteúdo bacana, a começar pelo visual dele (o que faz toda a diferença) – e gravar/editar vídeos é trabalhoso e demorado. Há, também, as pessoas que distribuem ódio gratuito, mas isso se encontra em qualquer lugar. É só questão de saber lidar e se adaptar a isso.

4. Você também faz vídeos no youtube, gostaria de saber se você recorda de como foi a experiência e as sensações/expectativas de fazer seu primeiro vídeo do Literature-se? E como foi a recepção do público/leitores na época com essa nova empreitada do blog?

Mell: Não me lembro muito bem, pois faz quase cinco anos. É muito tempo! Mas lembro que foi algo bem experimental, sem grandes expectativas, pois naquela época não era comum ter todo o público de hoje. O Youtube cresceu, os canais literários realmente se tornaram importantes – mas isso era muito diferente na época. Então, toda essa expectativa de visualizações, por exemplo, não existia. Era mais um conteúdo para vincular à postagem no blog, para deixar mais dinâmico e mostrar melhor os livros. O público do blog aceitou bem a nova plataforma, sempre considerei os vídeos algo que nos aproxima com quem produz o conteúdo. Sempre incentivei por isso, pois é uma maneira bacana de se inteirar com o autor – como se fosse uma conversa mesmo!

5. Qual personagem da literatura você mais se identifica?Caso queira citar mais de um(a), fique à vontade.

Mell: Difícil essa de escolher uma personagem, um livro… Mas gosto muito das indagações do Holden Caulfield. Não que eu me identifico completamente com ele, penso que isso não existe, mas ainda assim eu consigo me ver na pele dele.

6. Você acompanha o trabalho de outros blogs literários? Poderia nos confessar alguns espaços que você admira, além disso, gostaria de saber se já fez amizades na blogosfera?

Mell: Não vou confessar muito, já que adoro indicar blogs/canais literários nas redes sociais. Mas admiro muitas pessoas incríveis. Eu estava listando aqui todas elas, mas percebi que seria injusto eu me esquecer de alguma. Como sempre faço indicações, inclusive em vídeos específicos sobre isso, acho mais fácil vocês conferirem no canal e no blog ;) E, como eu disse acima, já fiz várias amizades com blogueiros e acho isso simplesmente incrível!

7. Poderia nos revelar suas obras prediletas do universo das HQs e da Literatura?

Mell: Não sou de ler HQs, mas para citar alguns livros que amo, aqui vai: O grande Gatsby, O apanhador no campo de centeio, O sol é para todos, Reparação, Memórias do subsolo e, claro, Harry Potter.

8. Tem em mente novos projetos para o blog?

Mell: Por enquanto, não. Estou numa fase de transição, pois acabei de entrar na faculdade de Estudos Literários, então até me adaptar o blog fica como está – até porque acabou de dar as boas vindas a vários colunistas incríveis, o que por si só já é um novo projeto e uma grande etapa do blog.

9. Mell, agradeço pela entrevista concedida ao site Caros Ouvintes. Desejamos progresso e cada vez mais sucesso em sua caminhada! Você gostaria de deixar um recado final ao pessoal que acompanha o seu trabalho e também para aqueles que ainda não conhecem o ‘Literature-se’?

Mell: Eu é que agradeço! Fico feliz pelo convite e espero poder conversar com mais pessoas sobre literatura – esta coisa linda que só me faz ficar apaixonada cada vez mais! Obrigada pelo voto de confiança e aguardo vocês no Literature-se!

Confiram o blog ‘Literature-se’ e seu canal no youtube nos seguintes endereços:

http://www.literature-se.com/
https://www.youtube.com/user/croissantparisiense
https://www.facebook.com/literatureseblog
https://instagram.com/blogliteraturese/
https://twitter.com/marshmellory

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *