Fontes luminosas de LED são usadas para a transmissão de dados

A transmissão de dados serve para oferecer suporte ao fluxo de dados entre dois pontos. Essa linha pode ser de um par de fios, um cabo coaxial, fibras óticas, comunicação por rádio frequência ou até mesmo por satélites.

MILTON – Ethevaldo, qual é a mais nova rede de transmissão de dados sem fio que o mundo conhece?

ETHEVALDO – É a transmissão através da luz, Milton. Além das redes que conhecemos – que incluem a rede celular, as redes WiFi, Bluetooth e, agora, está nascendo a LiFi (Lai-Fai).

MILTON – Lai-Fai? Explique melhor.

ETHEVALDO: Essas redes usam fontes luminosas de LED para transferir dados a velocidades incríveis, Milton. Com a iluminação de LED poderemos utilizar a internet em qualquer lugar. Teoricamente, sua velocidade pode alcançar limites 100 vezes maiores do que a Wi-Fi.

Smartphones e sensores podem ser interligados via redes de LED ou Li-Fi. Grandes fabricantes de celulares como a LG, a Samsung e outros já mostraram seu interesse por essa tecnologia.

MILTON – Em que ponto de desenvolvimento estão essas novas redes no mundo?

ETHEVALDO: É curioso, Milton: as primeiras redes a utilizar a luz como meio de transmissão surgiram há mais de 50 anos. O Japão chegou a usar focos de laser para isso. Agora, com o desenvolvimento extraordinário da tecnologia de LED – a dos diodos emissores de luz e de chips avançados – o mundo redescobre o potencial das redes Li-Fi.

Recentemente, empresas japonesas e americanas iniciaram a comercialização dessas novas redes, inclusive para atender a aplicações da Internet das Coisas.

Estamos no limiar de uma nova revolução, Milton.

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *