Koerich: um convite irrecusável

“O Koerich pede licença para fazer parte da história da sua terra e da sua gente. Koerich, casa de amigos”.

Antônio Koerich

Antônio Koerich

A frase está nas peças publicitárias das Lojas Koerich, a maior rede de varejo de Santa Catarina. Mais do que isso, está no coração e na alma do Toninho, do Cacaio e do Sérgio. Aliás, a bem da verdade, é preciso reconhecer que está no cerne, no âmago de quem trabalha nessa organização: dos dirigentes e do pessoal de atendimento, ao público aos prestadores dos serviços mais singelos como a turma da limpeza e os auxiliares da administração.

Ou como diz Antônio Koerich, o Toninho: “Costumam me perguntar como é o desafio de administrar uma empresa familiar em um mercado efervescente como o varejo. E a resposta é simples: mantenho as nossas raízes, nossas bases consolidadas e, acima de tudo, respeitando a todos sem distinção”.

E acrescenta: “Sempre buscamos a identificação com as localidades onde passávamos. Iniciamos com o slogan ‘Organização Koerich empresa que acredita no progresso da Grande Florianópolis’, e a cada nova expansão buscávamos adequar a nossa comunicação, pedíamos licença para a população para começarmos a fazer parte da sua história”. E conclui Antônio Koerich: “Por meio de ações publicitárias divulgávamos as mensagens: ‘O Koerich pede passagem, saúda sua cidade e convida para um cafezinho'”.

Essas são palavras que abrem a peça promocional distribuída como parte das comemorações que se iniciam prevendo, desde já, o centenário da empresa em 2055 e que vem assinadas pelo Antônio e os filhos Ronaldo e Sérgio Koerich.

Ronaldo:"Eu cresci ouvindo todos os dias que reconhecimento é fruto de um trabalho responsável, pautado na busca do novo, acreditando que os desafios são válvulas de escape para a seleção natural de mercado. Assim, aos 13 anos, eu comecei a trilhar a minha história no Koerich, sempre muito próximo ao pai, atento a todos os seus passos, pois já naquela época eu sabia que ele seria o meu maior e melhor professor nesta escola da vida".

Ronaldo: “Eu cresci ouvindo todos os dias que reconhecimento é fruto de um trabalho responsável, pautado na busca do novo, acreditando que os desafios são válvulas de escape para a seleção natural de mercado. Assim, aos 13 anos, eu comecei a trilhar a minha história no Koerich, sempre muito próximo ao pai, atento a todos os seus passos, pois já naquela época eu sabia que ele seria o meu maior e melhor professor nesta escola da vida”.

Sérgio: "Quando olho para trás, lembro do menino que na adolescência não compreendia porque os amigos podiam ir à praia enquanto ficava na empresa... Agora sei que essa vivencia da história que o meu pai construiu no Koerich foi fundamental para que eu me tornasse o homem que sou hoje. Desde pequeno, duas palavras sempre caracterizaram, sob meu ponto de vista, meu pai: respeito e valorização das raízes."

Sérgio: “Quando olho para trás, lembro do menino que na adolescência não compreendia porque os amigos podiam ir à praia enquanto ficava na empresa… Agora sei que essa vivencia da história que o meu pai construiu no Koerich foi fundamental para que eu me tornasse o homem que sou hoje. Desde pequeno, duas palavras sempre caracterizaram, sob meu ponto de vista, meu pai: respeito e valorização das raízes.”

Eu, Severo, fui um dos convidados a prestar depoimento sobre a visão que tenho da história de um empreendimento iniciado pelo patriarca Eugênio Raulino Koerich nos primórdios do século passado e que tiveram especial desenvolvimento à partir dos anos 1950 sob a liderança e Walter e Antônio Koerich. Sob o título de Inovação e Bem-Querer, escrevi:

“São muitos os méritos dessa memorável família. Acompanho desde seus primeiros dias as ações de publicidade, propaganda, premiações e outras atividades promocionais, tanto das campanhas de varejo como também dos seus demais negócios e me manifesto um fiel admirador de tudo o que fazem.

Sou testemunha, por exemplo, do assombro causado no comércio local quanto, antes de instalar sua primeira loja em Florianópolis, a modesta firma Eugênio Raulino Koerich S/A anunciava sua chegada à Capital pelas principais emissoras de rádio e jornais da cidade.

Antunes Severo

Antunes Severo

Entre as novidades anunciadas quanto às instalações, o tipo de loja, a diversificação dos estoques, as facilidades de credito e prêmios para a freguesia.

Os primeiros funcionários faziam a diferença na maneira de atender os clientes: conheciam as origens das mercadorias fossem elas dos tempos das inovadoras fiambrerias ou das primeiras lojas, onde haviam planos promocionais impossíveis de serem imaginados pela concorrência. No segmento de prêmios o Sorte Koerich foi uma verdadeira loucura. O sucesso foi tão grande que o jingle era cantado como música nos bailes de carnaval dos principais clubes, Lira e Doze de Agosto.

Mais do que nos automóveis e outros itens de valor elevado, o que mais contribuiu para aumentar a credibilidade do nome Koerich estava na garantia de que Prêmio Koerich é prêmio entregue, como a população podia conferir através dos registos feitos pela imprensa local.

O Koerich firmou, entre outras tradições, a maneira de falar com os clientes, fornecedores, veículos de comunicação e a sociedade: a celebração de eventos históricos e religiosos e o decidido apoio a campanhas de interesse social, cultural e desportivo independente de quaisquer condições limitativas. O segredo? Além de ser Gente Nossa, o Koerich continua sendo a gente simples, dedicada, criativa e ordeira que respeita e enaltece os valores positivos da sociedade”. Antunes Severo, presidente do Instituto Caros Ouvintes de Estudo e Pesquisa de Mídia.

Expediente:
Koerich 60 anos | Projeto gráfico, Ghana Branding | Diagramação, João Carlos Meneghini | Reportagem e textos, Apoio Comunicação+Marketing | Coordenação editorial, Ronaldo Koerich, Adilson Toll e Adriana Laffin | Jorna;lista responsável, Adriana Laffin | Revisão, Grayce Rodrigues | Fotos, Angelo Borba, Henrique de Oliveira, Renato Gama, Fernando Willadino, Jaqueline Noceti, José Waldomiro Corrêa, Eduardo Valente, Marcos Molina, Mafalda Press, Maria Victória | Bando de Imagens on line e Banco de Imagens Koerich \ Impressão e Acabamento, Gráfica Coan | Uma publicação Lojas Koerich.

Categorias: , Tags: , , ,

Por Antunes Severo

Radialista, jornalista, publicitário, professor e pesquisador é Mestre em Administração pela UDESC – Universidade do Estado de SC: para as áreas de marketing e comunicação mercadológica. Desde 1995 se dedica à pesquisa dos meios de comunicação em Santa Catarina. Criador, editor e primeiro presidente é conselheiro nato do Instituto Caros Ouvintes de Estudo e Pesquisa de Mídia.
Veja todas as publicações de .

Comente no Facebook

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *