Lançamento do G-Sul em Brasília foi um sucesso

Parlamentares e profissionais de mídia conheceram o propósito do Grupo do Sul

“Uma iniciativa inédita e louvável”.  “Excelente iniciativa, já deveria ter sido lançada há muito tempo”. “Essa aproximação vai gerar mais e melhores benefícios ao nosso povo”. Essas foram algumas das avaliações vindas dos parlamentares presentes no encontro realizado na última quarta-feira, 18/04, na Câmara dos Deputados, em Brasília, promovido pelas entidades do meio radiodifusor (Rádio e Televisão).

Deputados e Senadores dos 3 Estados do Sul participaram do café-da-manhã oferecido pela Acaert, Aerp, Agert, Serp, Sert e Sindradio signatárias do G-Sul, movimento que se reveste de uma parceria público-privada no sentido de incentivar maior empenho dos parlamentares pelas causas de grande interesse da sociedade sulista. A partir de agora os políticos contarão com a força de 931 emissoras de Rádio e Televisão atuantes no Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina que abrirão amplos espaços para divulgação dos pleitos, realizações e conquistas das respectivas bancadas estaduais. “Juntos somos fortes. Unidos somos imbatíveis”, enfatizou o Deputado Federal Giovani Cherini, representante do Rio Grande do Sul, usando bordão do cooperativismo.

Mídia Regional
A descentralização da mídia do Governo Federal foi tema do V Congresso Brasileiro de Comunicação realizado na cidade de São Paulo em maio de 2012. O painel intitulado “Regionalização – A força e a importância do ‘regional’ num mundo globalizado”, discutiu o desenvolvimento da indústria da comunicação nos mercados regionais.

O debate naquele painel foi realizado por representantes das entidades mais fortes da indústria da comunicação com participação especial do diretor do departamento de mídia da Secretaria de Comunicação Social (Secom), do Governo Federal, Fabrício Costa, que assim se posicionou:  “… o Governo precisa chegar a todos os pontos do País e é de seu interesse praticar a comunicação regionalizada nas cinco regiões com veículos regionais e até locais”. Segundo Fabrício Costa, à época,  “a desconcentração dos veículos contribui para fortalecer a eficácia da mensagem aos vários públicos alvos.”

Juntos somos fortes
A explanação feita pelos presidentes das entidades mentoras do G-Sul convergiu para o compromisso de união para fortalecimento do trabalho pensado na comunidade. “Nossas emissoras associadas devem priorizar a cobertura jornalística para fatos que ressaltem a cadeia produtiva, os avanços sociais, as boas práticas públicas, o trabalho e cotidiano de catarinenses, paranaenses e gaúchos. O cidadão precisa estar informado sobre as qualidades regionais e como podemos colaborar efetivamente no desenvolvimento de todos”, sublinhou Marcello Petrelli em seu artigo distribuído à imprensa. Leia aqui.

O que disseram os presidentes da Acaert, Aerp e Agert ao final do evento

Profissionais de mídia
No final do dia cerca de 50 profissionais de mídia que trabalham nas agências de publicidade que atendem às contas do Governo Federal, maior anunciante do País, foram recepcionados pelas diretorias das entidades acima mencionadas durante um coquetel num dos restaurantes localizados à beira do Lago Paranoá. “O G-Sul vem para mostrar o sul de uma forma diferente para o mercado publicitário, defendendo de forma técnica e transparente de que forma as campanhas podem ser mais assertivas se levarem em conta as características da região”, detalhou Liza Rocha, diretora comercial da ACAERT.

Dentre os convidados estavam profissionais das agências Fields 360, Calia, NBS, Artplan, Lew Lara, Cia de Comunicação, Heads e membros do Núcleo de Mídia da Secom do Governo Federal que conheceram os dados econômicos da Região Sul apresentados por Marcello Petrelli, presidente da Acaert:

– 30 milhões de habitantes
. Paraná……………….. 11.320.892
. Santa Catarina……..   7.001.161
. Rio Grande do Sul… 11.322.895
– melhores índices de IDH do país
– 4a maior economia da América Latina
– 17% do PIB brasileiro: R$ 672.049 bilhões (2011)
– 875 emissoras de Rádio
– 46 estações de Tv
– Municípios com mais de 100 mil habitantes
. PR: 20
. SC: 13
. RS: 18
TOTAL: 51

Objetivos do G-Sul
– Através dos veículos de Rádio e Televisão dos 3 Estados, com a penetração total da sociedade local, construir uma integração socioeconômica, na população da  região.
– Utilizar os veículos de Rádio e TV da região para noticiar mais assuntos dos 3 Estados.
– Disponibilizar os meios para haver entendimento da sociedade dos seus interesses comuns.
– Oportunizar os meios de comunicação aos Deputados e Senadores do Sul, para que informem, defendam e proponham pautas de interesse aos 3 Estados.
– Através das redes nacionais dos veículos dos 3 Estados, levar a região Sul a ser melhor conhecida, entendida e percebida, criando uma força regional para defender
seus interesses.

(Fonte: Acontecendo Aqui, 21/04/2018)

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *