Landell de Moura: o inventor do rádio

O inventor de um dos mais completos instrumentos de comunicação de massa do Brasil completa 150 anos de nascimento amanhã, 21/01. A AGERT participa das homenagens alusivas ao sesquicentenário do cientista Landell de Moura destacando a importância do pioneiro trabalho do padre católico na transmissão da voz humana sem fio (radioemissão e telefonia por rádio) entre as emissoras associadas. “Landell de Moura utilizou equipamentos de rádio de sua construção patenteados no Brasil em 1901, antes mesmo que outros inventores, como o candense Reginald Fessenden, ousassem protagonizar uma transmissão de voz humana. Para viabilizar essa façanha, o padre usou dois veículos: um transmissor de ondas que utilizava um microfone eletromecânico de sua invenção e um aparelho de telefone sem fio, que usava a luz como uma onda portadora da informação de áudio”, destaca o presidente da Associação Gaúcha de Emissoras de Rádio e Televisão, Alexandre Gadret. A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafoslançou selo comemorativo ao pai brasileiro do rádio. Já a Prefeitura de Porto Alegre, onde Landell de Moura nasceu em 21 de janeiro de 1861, instituiu o ano de 2011 como o “Ano da Inovação Padre Landell de Moura”, no âmbito da Política, Ciência, Tecnologia e Inovação. (Agert).

Categorias: Tags: , , ,

Por Antunes Severo

Radialista, jornalista, publicitário, professor e pesquisador é Mestre em Administração pela UDESC – Universidade do Estado de SC: para as áreas de marketing e comunicação mercadológica. Desde 1995 se dedica à pesquisa dos meios de comunicação em Santa Catarina. Criador, editor e primeiro presidente é conselheiro nato do Instituto Caros Ouvintes de Estudo e Pesquisa de Mídia.
Veja todas as publicações de .

Comente no Facebook

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *