Lanie Marquez descobre que continuamos poucos e acanhados

A publicitária Lanie Marquez, agora na pele de estudante fazendo o curso de Comunicação Social, em Mídia Eletrônica na Assesc, em Florianópolis decidiu conversar com os pioneiros da propaganda em Santa Catarina. Convidado, combinamos uma entrevista para segunda-feira, 3/5, às nove da manhã na Alameda Adolfo Konder, próximo a cabeceira insular da ponte Hercílio Luz. Temperatura de 22 graus, sol límpido e sereno como em todo o outono nesta terra abençoada. Enquanto são ajustados os equipamentos, ficamos conversando porque até então não nos conhecíamos. Para não perder o hábito pedi licença para deixar ligada a Sonynha (mini gravadora) e o papo foi rolando. Gostei da proposta de trabalho da entrevistadora e de suas observações sobre o mercado, por isso os trago aqui. Para os mais velhos pouco se acrescenta, mas para os com menos de trinta vale por uma senhora reflexão.

Categorias: , Tags: , , ,

Por Antunes Severo

Radialista, jornalista, publicitário, professor e pesquisador é Mestre em Administração pela UDESC – Universidade do Estado de SC: para as áreas de marketing e comunicação mercadológica. Desde 1995 se dedica à pesquisa dos meios de comunicação em Santa Catarina. Criador, editor e primeiro presidente é conselheiro nato do Instituto Caros Ouvintes de Estudo e Pesquisa de Mídia.
Veja todas as publicações de .

Comente no Facebook

3 respostas
  1. Anelise Perez- Annie Perec says:

    Aproveito para mandar um abraço a todos de Santa Catarina aqui de Nantes na França. Mamae coruja como sou nao poderia deixar de “donner un coup d’oeil” como dizem os franceses. quero dizer que estou orgulhosa do esforço da lanie para dar forma a este projeto e de sua seriedade neste trabalho. Tambem cumprimentar o programa por abrir este espaço à uma jovem que esta recuperando um pouco da historia deste estado. Vamos ver se poderemos mais tarde trazer este documentario para a França e apresentà-lo à estagiarios e interessados na publicidade brasileira ou na publicidade em geral. Beijos da annie Perec à todos!
    P.S. Muitas saudades do Brasil!!!!!!!!!!!!!

  2. Antunes Severo says:

    Nós também estamos apostando no projeto da Lanie que é ousado, mas totalmente viável. A história da propaganda em Santa Catarina ainda está para ser escrista, pois até agora – além do livro sobre os 25 Anos da Propague – só existem alguns esboços de trabalhos acadêmicos.

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *