Leitor lança apelo público

Venho por meio deste, descrever minha indignação, referente a um dos piores serviços já destinados ao consumidor. Peço desculpas se estiver sendo inconveniente mas não consigo falar com SAC, nem com pessoas nos serviços de atendimento ao cliente da operadora OI. Me sinto, desamparado pelos órgãos competentes já que toda vez que tento falar nos telefones da empresa. Acabo me sentindo um palhaço,dando atenção a gravações que não resolvem nada. Nem no site da operado, consigo efetuar uma reclamação, sou cliente a mais de três  anos, mas infelizmente, parece que isso não é considerado pela empresa. Apelo às rádios do estado de Minas Gerais para entrar nessa missão quase impossível, pois sei que como brasileiros parece que não temos direitos, contra as multinacionais da comunicação. Acredito que não sou o único nesta situação e tenho certeza que será de interesse de todos saber desta história. Gleison Cipriano, MG.

Categorias: Tags: , , ,

Por Antunes Severo

Radialista, jornalista, publicitário, professor e pesquisador é Mestre em Administração pela UDESC – Universidade do Estado de SC: para as áreas de marketing e comunicação mercadológica. Desde 1995 se dedica à pesquisa dos meios de comunicação em Santa Catarina. Criador, editor e primeiro presidente é conselheiro nato do Instituto Caros Ouvintes de Estudo e Pesquisa de Mídia.
Veja todas as publicações de .

Comente no Facebook

1 responder
  1. Aguinaldo Filho says:

    Faço minhas as palavras do Gleison Cipriano. Inúmeras foram as vezes em que me vi frente a uma ‘muralha’ de gravações e atendentes inócuos robotizados. A OI faz o que quer, não tem a mínima consideração para com seus usuários e ainda nos chama de mentirosos quando reivindicamos um direito, que dizem não termos. Cortam os serviços sem aviso prévio e depois dizem que fomos nós que solicitamos. Inventam coisas para justificar sua mazela e, se precisamos de seus serviços para o ganha-pão, estamos no mato sem cachorro, com pouquíssimas opções. Consegui me livrar deles na internet, mas está sendo difícil achar um substituto para o telefone fixo, pois pretendo, assim que puder, afastar-me completamente dela. Vou parar porque já estou começando a ficar irritado!!!

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *