Marinela Goulart abre exposição Transpare(seres)

A artista visual Marinela Goulart abre nesta quinta-feira, 22 de maio, às 19h30, no Ponto dArte, na Lagoa da Conceição, a mostra Transpare(seres). Ao contrário da exposição anterior, denominada Intra-Muros, onde a matéria-prima era bruta, com peças em cimento e o ferro, agora a artista trabalha com a leveza e a maleabilidade de chapas de inox ou de telas de metal, recortadas e modeladas, que sugerem formas em movimento

As esculturas de Transpare(seres) são como pinturas no ar. Seus reflexos são como caleidoscópios, subvertem a própria imagem do entorno, destacando luzes e sombras, recortando espaços que não existiam e criando vazios. Nessa ocupação do espaço, o dentro e o fora por vezes se misturam, outras vezes mantém entre si uma continuidade de superfície.

É nessa lógica que Marinela decidiu criar esculturas grandes e pequenas, para interiores e exteriores, com dimensões que variam de 30 centímetros a 10 metros. “Trabalhar a escultura é isso: extrair vida e movimento da concretude da matéria, mas também da concretude barulhenta do vazio; é trabalhar ora sobre a leveza, o amor, as alegrias e ora sobre a dor, o caos, a dúvida e a violência das paixões humanas”, refleta a artista.

Além das esculturas, Marinela apresenta também uma sequência de quadros, em tinta acrílica sobre tela, que são parte fundamental do interesse da artista pelas cores e pelo mundo que aprendeu com os mestres, como Van Gogh, Monet, Klimt, Munch, Egon Schiele, Francis Bacon, entre outros.

A ARTISTA

Marinela Goulart nasceu em 21 de julho de 1965 em Videira, SC. É formada pela Faculdade de Educação Artística – habilitação em Artes Plásticas, Udesc – 1990. Realizou pesquisa e desenvolvimento de esculturas em cerâmica e metais no Arts Studio da University of South Florida, USA, 1996.

Atualmente realiza esculturas em mármore, ferro, aço inox, e alumínio de grande porte e pinturas em paralelo ao seu trabalho na linha utilitária, criando objetos escultóricos em arame de alumínio e outros materiais.

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *