Gustavo Neves Filho e momentos históricos do rádio ilhéu

A história do rádio em Santa Catarina se confunde, em muitos momentos, com a de Gustavo Neves Filho. Ele, que começou no rádio aos 17 anos, foi radioator, produtor, locutor e autor de radioteatro.

[Por Janine Silva*]

Gustavo Neves (E), Adolfo Zigelli, Claudino Silva, Lauro Soncini, Iran Nunes, Miltinho, Antunes Severo, Rozendo Lima, Zininho, Waldir Brazil

Gustavo Neves (E), Adolfo Zigelli, Claudino Silva, Lauro Soncini, Iran Nunes, Miltinho, Antunes Severo, Rozendo Lima, Zininho, Waldir Brazil

Você pode saber mais sobre uma de suas obras, a radionovela Um Crime Perfeito aqui. Iniciou seus trabalhos na Rádio Guarujá, a primeira emissora de Florianópolis, e depois migrou para a Rádio Diário da Manhã.

A ex-aluna do então curso de Comunicação Social da UFSC, Cirley Virgínia Ribeiro, entrevistou Gustavo Neves Filho para  a realização do seu TCC, Projeto Memória do Rádio Catarinense em 1985. Ouça alguns trechos dessa entrevista.

Janine Silva é aluna da 5ª fase do curso de Jornalismo da UFSC e bolsista do projeto de extensão “Museu do Rádio de Santa Catarina”.

1 responder

Trackbacks & Pingbacks

  1. […] Momentos históricos do rádio ilhéu […]

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *