Músicos catarinenses recriam principais obras de Pedro Raymundo

Inovação e um estilo contemporâneo fazem parte da regravação de acervo musical de um dos artistas catarinenses mais importantes da história da música brasileira.

pedro-raymundo

O imaruiense Pedro Raymundo, que além de compositor era cantor, instrumentista e sanfoneiro, criou raízes em Laguna, terra pela qual se apaixonou, era atraído pelo ritmo gauchesco e, vestido a caráter, ganhou espaço Brasil afora e influenciou grandes nomes da música brasileira, como o saudoso Luiz Gonzaga.

O projeto de gravação do CD “Pedro Raymundo”, representa uma recuperação musical histórica em homenagem ao artista catarinense.

A nova obra, dirigida pelo produtor Luiz Sebastião, inova ao apostar em um repertório instrumental baseado nas principais composições de Pedro Raymundo, reavivando assim não somente o nome de um dos mais importantes compositores de Santa Catarina, mas agregando ainda mais vida às músicas do cantor com a formação musical composta por um trio de guitarra semiacústica, violão 7 cordas e o indispensável acordeom.

“Trabalhar com a renovação das músicas do Pedro Raymundo é um desafio e enriquecimento cultural muito grande, pois ele foi um dos que mais influenciou a música gauchesca, como o “vanerão”, o choro e até mesmo as trilhas de quadrilha, que também fazem parte da história do legado musical deste grande artista e que agora ganha um novo corpo neste projeto”, comenta Luiz Sebastião.

O “Gaúcho Barriga Verde”, como era conhecido, emplacou inesquecíveis canções como “Adeus Mariana”, “Festa na Roça”, “Prenda Minha” e muitas outras, que agora serão regravadas pelos músicos Rafael Borges, Bruno Moritz e Luiz Sebastião, com a produção executiva da Harmônica Arte e Entretenimento.

A gravação do CD “Pedro Raymundo” foi aprovado junto ao Edital Elisabete Anderle de Estímulo à Cultura. Na foto: Luiz Sebastião (E), Bruno Moritz e Rafael Borges.

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *