Nosso querido Carminatti Júnior nos deixou

Foi cremado no dia 01/08 o corpo do jornalista, escritor e advogado Florentino Carminatti Júnior, uma das expressões do rádio catarinense na década de 1960.

Carminatti Júnior em 1958.

Ele faleceu no Hospital de Caridade aos 81 anos. Há dois anos lançou o livro “Contos do Dia, Versos da Noite”. Ex-conselheiro da Casa do Jornalista, era também procurador do Estado, aposentado.

O Instituto Caros Ouvintes tem em seu acervo belos materiais sobre a vida de Carminatti Júnior. Clique nos links abaixo para conferir:

Carminatti Júnior revive o amigo Francisco Mascarenhas

Inauguração do transmissor de ondas curtas em 2/8/1956: Luiz Flores (cantor), Francisco Mascarenhas (Diretor), Marlene (Cantora carioca, Rainha do Rádio), Jacques Schweidson (anunciante). Abaixados: Alcionei (cantora) e o marido Mirandinha (pianista), Carminatti (roupa clara) Lourival Bruno (diretor técnico) e o operador de transmissor.

Contos do Dia Versos da Noite de Carminatti Junior

“A obra reune 19 contos e 21 poemas, com prefácio de Salomão Ribas Junior, presidente da Academia Catarinense de Letras. O autor produziu, como jornalista, muitos temas sobre os mais variados assuntos. Ensaios, relatos de viagens, crônicas, não descuidando da organização didática como professor e, sobre tudo, apurou o vocabulário para exercer arcaica, chegando ao alto cargo de Procurador do Estado.

Memórias da rádio de vanguarda

Foto: Janine Turco/ND

A voz privilegiada foi a senha para o primeiro emprego de Florentino Carminatti Júnior, em 1953, quando ele superou outros oito postulantes e conquistou a vaga de locutor na Rádio Guarujá.

A comissão que o elegeu era composta pelos veteranos radialistas Acy Cabral Teive, Aldo Silva e Oscar Berendt, que desconsideraram a falta de experiência do candidato, seus 16 anos de idade e o fato de ainda estar cursando o científico do Colégio Catarinense.

 

 

 

 

Rádio Diário da Manhã: fazendo história desde 30 de janeiro de 1955

“Inauguração” do transmissor Philips de 10.000 Watts de potência em ondas curtas de 31 metros. Carminatti Júnior, Mirandinha, Flores e outros funcionários da rádio assistem a cantora Marlene (rainha do rádio brasileiro) que acaba de quebrar uma garrafa de champanhe no transmissor

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *