Os primeiros 50 anos do Rancho do Amor à Ilha

Homenagem ao poeta Zininho abriu a programação cultural do fim de semana com show no vão central do Mercado Público de Florianópolis.

24-09-2015-20-56-21-2-show-em-homenagem-aos-50-anos-do-rancho-de-amor-a-ilha-24.09.2015-foto-eduardo-valenteUm pedacinho de terra perdido no mar… A letra é conhecida por todos que moram em Florianópolis e até mesmo por quem é de fora, tamanha a riqueza da canção. Não é atoa que o Rancho do Amor à Ilha, composto por Cláudio Alvim Barbosa, o Zininho, completa 50 anos sendo ouvido e cantado por crianças, adolescentes e adultos.

Para homenagear o autor da famosa canção, um grupo de cantores independentes, entre eles a filha do compositor, Cláudia Barbosa, promoveram e apresentaram show no espaço cultural Luiz Henrique Rosa do Mercado Público de Florianópolis, na tarde-noite de quinta-feira, 24/9.

Comerciantes, moradores da Capital e turistas acompanharam a apresentação, que teve outras musicas de Zininho que falam de seu amor pela cidade de Florianópolis, como Largo Treze de Maio e Miramar.

Para Cláudia, o momento em que o hino da Capital completa 50 anos representa um grande marco. Rancho do Amor à Ilha, foi a luz, a declaração dele para a cidade que ele tanto amava. E completa Cláudia: “Uma canção eterna, que imortalizou também o seu compositor. O artista se torna imortal quando sua obra não morre. E para mim, tanto a música como o meu pai estão mais vivos do que nunca”.

Em novembro ela pretende lançar um trabalho com a versão oficial do Rancho do Amor à Ilha, gravado no passado com a Camerata Florianópolis. Com letra e melodia inspiradas nas belezas naturais de Florianópolis, a família de Zininho leva a canção adiante, agora também cantada pela neta Maria Cláudia. “Somos uma família criada através da arte e é gratificante poder cantar essa música. Eu sei o quanto ela representa para nossa família e para a cidade que também amamos, dia a neta do poeta”. [ Com informações da repórter Elaine Stepanzki e foto de Eduardo Valente/ND ]
Nota do Editor – Embora o hino da cidade seja popularmente conhecido como “Rancho de Amor à Ilha”, o Instituto Caros Ouvintes preserva o nome com que foi oficialmente registrado: Rancho do Amor à Ilha.

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *