Papo Livre 149: quando o realejo tocava as pessoas paravam para ouvir

Uma das coisas do passado, da qual muitos curitibanos sentem saudade é o tocar dos velhos realejos que a gente ouvia nas ruas e praças de maior movimento. Instrumento musical muito popular dos velhos tempos era na verdade um órgão mecânico portátil. O fole e o teclado eram acionados por um cilindro dentado movido a manivela. As músicas eram sempre as mesmas, eu creio que havia apenas duas. Quando o realejo tocava, as pessoas se aproximavam e paravam para ouvir.

Categorias: , , Tags: , , ,

Por Antunes Severo

Radialista, jornalista, publicitário, professor e pesquisador é Mestre em Administração pela UDESC – Universidade do Estado de SC: para as áreas de marketing e comunicação mercadológica. Desde 1995 se dedica à pesquisa dos meios de comunicação em Santa Catarina. Criador, editor e primeiro presidente é conselheiro nato do Instituto Caros Ouvintes de Estudo e Pesquisa de Mídia.
Veja todas as publicações de .

Comente no Facebook

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *