Rádio de todos os dias, de todos os tempos – 5

O discurso do radiojornalismo enquanto produto intelectual eletrônico foi o tema que o professor Eduardo Meditsch levou à reflexão dos participantes do  XX Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação realizado em Santos, em 1997.  No estudo Meditsch registra que “Milhares de camponeses analfabetos, que há uma década não conheciam a eletricidade,  hoje consomem rádio, TV e vídeo-filmes e inscrevem seus filhos em cursos de computação”,  para logo a seguir alertar “Refletindo a cultura em que estão imersos, intelectuais de formação erudita e até mesmo jornalistas formados nos meios impressos desprezam o rádio (e a TV) como veículos a priori incompatíveis com o pensamento autêntico”, e finaliza: “Em parte, esse preconceito parece ter prevalecido nas concepções sobre o potencial do rádio como meio de comunicação”.  O artigo A Nova Era do Rádio: O Discurso do Radiojornalismo Enquanto Produto Intelectual Eletrônico faz parte da série de estudos que vimos publicando como tema central neste mês de setembro. Acesse o artigo clicando aqui.

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *