Sinal de TV analógico será desligado em Florianópolis em janeiro de 2018

Daqui a exatamente um ano os telespectadores de Florianópolis deixarão de contar com o sinal analógico em suas TVs.

O motivo é o desligamento da tecnologia, que será substituída pelo sinal digital a partir de 31 de janeiro de 2018, em Florianópolis, São José, Palhoça, Biguaçu e Paulo Lopes. O processo de migração, iniciado no país em abril de 2015, permitirá que o público assista aos canais abertos com melhor qualidade de imagem e som, através um sinal livre de chiados, chuviscos e fantasmas.

O sinal digital também permite que emissoras de televisão ofereçam conteúdos adicionais através do próprio aparelho, como galerias de imagens, ofertas de produtos, previsão do tempo e notícias. Outro benefício do desligamento do sinal analógico envolve a liberação da faixa de 700Mhz, que permitirá a expansão do sinal de internet 4G. Segundo um estudo da GSM Association, esta migração pode trazer mais de US$ 5 bilhões (R$ 15,75 bilhões) ao PIB brasileiro, além de mais de 4 mil empregos.

Como ter o sinal digital

Para assistir à programação da TV aberta com sinal digital é preciso ter uma televisão de Led, LCD ou Plasma compatível com a tecnologia, sinalizada através dos selos DTV (TV Digital) ou HDTV (High-definition Television). Em caso de aparelhos que não recebem o sinal digital, como TVs de tubo, é necessário utilizar antenas e conversores. Famílias cadastradas em programas sociais do Governo Federal, como Bolsa Família, Minha Casa Minha Vida e Tarifa Social de Energia Elétrica, poderão ganhar kits com estes equipamentos.

Durante o período de transição, uma letra “A” será exibida na tela de telespectadores que ainda utilizarem o sinal analógico. No dia 31 de janeiro de 2018, tal sinal será desligado e apenas o digital estará disponível.

A migração é conduzida pela Seja Digital, entidade criada pela Anatel, que realizará, em Florianópolis, campanhas de comunicação e ações de mobilização para informar à população sobre a novidade. A entidade também oferece suporte através de seu site, onde é possível conferir a lista de televisores compatíveis com a tecnologia. A Seja Digital ainda dispõe do telefone gratuito 147 para esclarecimentos.

Brasília pioneira

A primeira capital brasileira com TV aberta 100% digital foi Brasília. O desligamento do sinal analógico ocorreu no dia 17 de novembro, quando mais de 4 milhões de moradores da região aderiram à novidade.

Segundo o cronograma do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, mais de 1.300 municípios brasileiros terão o sinal analógico desligado até 2018. “Este processo representa um grande avanço tecnológico, pois coloca o Brasil no mesmo patamar de transmissão televisiva de países como Estados Unidos e Reino Unido, que já realizaram o desligamento do sinal analógico”, afirma o diretor geral da Seja Digital, Antonio Carlos Martelletto.

(Notícias do Dia Florianópolis, 31/01/2017)

0 respostas

Deixe um comentário

Gostaria de deixar um comentário?
Contribua!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *