Posts

Morre Ramiro Gregório da Silva, um dos mais importantes radialistas de Joinville e de SC

Menos de um mês antes de completar 83 anos, faleceu na manhã desta quinta-feira em Joinville o radiodifusor e radialista Ramiro Gregório da Silva. Ele estava internado alguns dias na UTI do Centro Hospitalar Unimed devido a complicações do Mal de Alzheimer, doença que o mantinha a maioria do tempo em seu apartamento no centro […]

Aquela voz no rádio

Nasci em janeiro de 1973, em Florianópolis, mas sempre morei em São José. A infância dos meninos dos anos 70 e 80 foi muito especial. É claro que a das meninas também foi muito diferente das de hoje, especial.

O centenário da pianista Marina Moura Peixoto

Registros raros da laureada pianista carioca Marina Moura Peixoto (1917 – 1975) no ano do centenário de nascimento – 27 de março de 2017 – estão disponíveis no YouTube.

Mário Motta será homenageado no 9º Encontro da Imprensa

Um dos maiores nomes da televisão barriga-verde, com 50 anos de atividades profissionais na comunicação brasileira, dos quais, 30 anos apresentando ininterruptamente o Jornal do Almoço da RBS TV, o jornalista Mário Motta será homenageado no 9o Encontro da Imprensa Catarinense em Chapecó programado para o dia 06 de agosto, na sede social da CDL, no horário das 11 às 18 horas.

Álvaro Correia: quem deve tocar a história somos nós

“A história tem que ser tocada para frente, não pode parar. E quem deve tocar a história para frente somos nós: a geração de hoje”. “Foi com esta impactante frase que o jornalista e ex-parlamentar, Álvaro Correia, iniciou o emocionado discurso na noite de lançamento de seu primeiro livro: Homens que fizeram a história, lançado na noite da última terça-feira, 6/12/2011”, registrou a reportagem do jornal Cruzeiro do Vale, da cidade de Gaspar/SC.

Parabéns Adolfo Zigelli

Parabéns para nós que continuamos lembrando de ti quando vemos uma avenca como esta que conservamos em nosso coração; quando ouvimos a Marisa Gata Mansa ou a Neide Maria Rosa interpretando Viagem de Paulo Cesar Pinheiro e João de Aquino; parabéns para nós quando lemos a crônica de Aldírio Simões em que ele cita o texto da carta psicografada que enviaste em 17 de junho de 1982 para o teu amor eterno e que repito aqui agora.

J. Pedro: o desafio de um novo caminho

O retorno ao Brasil, depois de seis anos trabalhando no exterior dava a J. Pedro a perspectiva de amplas possibilidades na sua carreira de repórter, radialista e jornalista vencedor. Propostas de trabalho ele teve várias, mas nenhuma que o tentasse o suficiente para tomar a decisão definitiva. Por absoluta coincidência a sueca Volvo, que já operava no Brasil, acabara de definir a Capital do Paraná como base de sua fabricação de caminhões.

J. Pedro: revirando o rumo da vida

Neste verão, o agora profissional de Relações Públicas, pesquisador e escritor J. Pedro Corrêa, como de costume, veio passar uns dias na casa de familiares residentes no norte da Ilha de Santa Catarina.

Manoel Timóteo no foco de todas as atenções

O número de estabelecimentos comerciais, os hotéis e restaurantes em operação e muitas outras informações, incluindo atividades dos clubes sociais e anúncios de jornal, dão uma idéia do que era a Capital catarinense na época.

Iracema de Andrade, conselheira sentimental

Em 1963 Iracema passou a residir em São José, na Grande Florianópolis, integrando o elenco da Rádio Jornal A Verdade, onde teve um programa com o seu nome e participou de uma das mais polêmicas produções radiofônicas do rádio em Santa Catarina: Mesa Quadrada, do jornalista Manoel de Menezes.